5 dicas para acertar na compra dos seus móveis - Setpar Empreendimentos

5 dicas para acertar na compra dos seus móveis

2 fevereiro 2019

Mobiliar a casa ou apartamento geralmente é uma tarefa considerada um pouco complexa para quem precisa decorar e não entende tanto do assunto. Escolher os modelos certos, que combinem com o seu ambiente, gerem bem-estar para quem frequenta e que ainda caibam no orçamento são alguns dos requisitos mais buscados por quem sai a procura de móveis residenciais.

Dependendo de um móvel escolhido, seja no estilo ou na cor, o restante deve seguir uma mesma linha de design para que a sua decoração faça sentido. O ambiente também influencia diretamente na posição dos móveis e como eles podem agregar aumentando ou diminuindo a sensação de espaço.

Priorizar o conforto também é um requisito muito buscado. Uma vez que a nossa casa é o ambiente em que precisamos nos se sentir à vontade e com bastante conforto. Além disso, o melhor custo-benefício também é muito importante na hora de escolher os seus móveis.

Dentre todos esses pensamentos e princípios para escolher os móveis, algumas dicas podem ajudar a não errar nessa escolha. Confira:

Pesquise bastante

Como qualquer compra, pesquisar é a chave do negócio. No mercado atual, existem diversas opções de lojas que oferecem diferentes preços, modelos, tamanhos, design, material, entre outros detalhes.

Pesquise em blogs, sites das principais lojas de móveis da sua cidade, visite apartamentos decorados, etc. Só assim você conseguirá ter mais claro em sua mente o tipo de móvel que procura, as tendências de design atuais e a faixa de preço do mercado moveleiro.

Analise o seu espaço

Após ter em mente um pouco da realidade da venda de móveis e dos modelos mais buscados, é preciso olhar para o ambiente que será decorado. Você tem muito espaço para móveis grandes (seja de largura ou comprimento)? Seu espaço é mais reduzido?

Para saber isso com a precisão que será requisitada na hora da compra, meça seu espaço para conhecer a área de cada canto onde pretende inserir seus novos móveis. Não se esqueça de deixar uma margem para a circulação das pessoas entre os móveis.

Móveis muito grandes combinam com espaços amplos e os pequenos para os mais reduzidos. Evite trocar essa ordem pois isso pode diminuir o seu ambiente e atrapalhar a circulação.

Nos espaços pequenos, usando como exemplo o quarto, você pode optar por uma cama box queen com baú ao invés de uma tamanho king. Na sala, um sofá de dois lugares pode ser suficiente para o ambiente.

Avalie o seu orçamento

Após analisar o espaço disponível para os móveis, saber o quanto pode investir faz toda a diferença. Ter um imóvel grande, que lhe permite decorar com maior quantidade de móveis, exige, por sua vez um maior investimento. Avalie também as suas prioridades em relação ao imóvel. Se você precisa arrumar algum defeito estrutural do mesmo, é preciso priorizar tais projetos.

Defina seu estilo

Ao pesquisar em sites, apartamentos decorados, revistas, entre outros locais, você pode definir o estilo que mais combina com você, sua família e com o ambiente que será mobiliado. Ele pode ser rústico, clássico, moderno ou outro que lhe agradar. Lembre-se que, antes do design arrojado e moderno, é preciso se preocupar com o bem-estar e com o conforto da família e dos seus visitantes.

Vá de loja em loja

Já tendo o seu estilo em mente, o quanto pode gastar e quais móveis serão necessários para os seus ambientes, está na hora de colocar a compra em prática. Procure comparar diferentes lojas do segmento, sempre procurando o melhor custo-benefício. Avalie a qualidade dos produtos, seus materiais de fabricação, acabamentos, espessuras, resistência, compartimentos internos etc.

Se você ainda está com dúvidas, conheça mais 5 dicas para valorizar sua casa e melhor aproveitar o espaço do seu imóvel.