Investimentos na SP-310 e seus benefícios para os moradores da região - Setpar Empreendimentos

Investimentos na SP-310 e seus benefícios para os moradores da região

7 dezembro 2018

A localização é um dos principais aspectos que tornam qualquer imóvel muito mais valioso, e um dos mais avaliados no momento de adquirir um. Com isso em mente, os moradores da região da rodovia Washington Luís, localizada entre Cedral e Mirassol, na região de São José do Rio Preto, devem ser muito beneficiados por conta dos altos investimentos que serão feitos na SP-310.

Por que os investimentos na SP-310?

Esta região recebe uma altíssima movimentação de carros. Por um lado, isso é um benefício, visto que a movimentação sempre traz bons resultados. Porém, é causado também certo incômodo para moradores de condomínios e bairros um pouco mais afastados dos municípios de Rio Preto e Mirassol.

Por conta disso, a justiça determinou a construção de uma terceira faixa na rodovia Washington Luís, no trecho que cobre desde São José do Rio Preto, até Mirassol. O intuito é diluir o movimento, que tem aumentado muito nos últimos anos.

Essa via extra tem por volta de 16 quilômetros de comprimento, e vai desde o trevo do distrito de Engenheiro Schmidt, quase até chegar Mirassol, na altura do Clube Monte Líbano. Essa, porém, é apenas a primeira parte da obra.

O projeto total visa cobrir todo o perímetro urbano de Rio Preto, partindo de Cedral até Mirassol, de modo a combater o tráfego que costuma ser bem pesado, especialmente nas horas de pico.

A obra irá ocorrer por conta da dificuldade dos moradores da região de chegar a diversos pontos da cidade. Esses precisam usar a Washington Luís e a BR-153 para o deslocamento.

O projeto de triplicação na SP-310 ainda não saiu do papel. O tráfico intenso na região de Rio Preto preocupa moradores.

Quando a obra deve ocorrer?

De acordo com a liminar da justiça que determina a execução da obra, o prazo para seu início é de 8 meses, com multas que podem chegar a R$ 10 mil caso não seja cumprido.

Segundo a Artesp, a Agência de Transportes do Estado de São Paulo, a Triângulo do Sol é a empresa responsável por implementar a terceira faixa na rodovia. A concessionária já elaborou um estudo preliminar para as obras, mas a Artesp pediu mais estudos. De qualquer forma, a obra já está bem encaminhada para o seu início.

Isso é uma ótima notícia para os moradores da região. A rodovia é muito usada por moradores ao redor dos municípios para alcançar outras partes da cidade. Com as obras, isso deve ser ainda mais fácil. A triplicação da faixa irá diluir o movimento e tornar o acesso às residências e ao trabalho muito mais fácil.

É o caso dos moradores do condomínio SetLife. Segundo Angelo Kelm, gerente de marketing da Setpar, empresa responsável pelo condomínio, o novo fluxo irá ajudar o deslocamento dos residentes: “o residencial terá acesso facilitado e exclusivo à rodovia e com a implantação da nova faixa vai melhorar o trânsito nos horários de pico”, explica.

Com isso, o condomínio deve se tornar ainda mais valioso. Ele está localizado em uma das melhores regiões entre São José do Rio Preto e Mirassol, bem próximo a rodovia Washington Luís e quase em frente ao clube monte Líbano. O conceito é de um condomínio Residence Club, com investimentos em lazer, segurança e serviços de clube, tudo isso em um ambiente residencial. Com os investimentos na SP-310, ele vai ficar ainda melhor. Se quiser saber mais sobre o Setlife, acesse este link.