Como adquirir um imóvel sendo um MEI? - Setpar Empreendimentos

Como adquirir um imóvel sendo um MEI?

31 maio 2019

Adquirir um imóvel é o sonho da maioria das pessoas. E para torná-lo realidade, recorrem a financiamentos bancários, empréstimos, cartas de crédito, entre outras formas.

Na maioria dos bancos e financeiras, é preciso comprovar renda e apresentar uma série de documentações relacionadas ao vínculo empregatício do solicitante para a liberação do crédito imobiliário. Por isso, quem é autônomo e cadastrado como MEI (Microempreendedor Individual) possui receio em adquirir um imóvel.

Entretanto, não ter vínculo empregatício ou carteira assinada por uma empresa não impedem o solicitante de pleitear um financiamento de um imóvel. O processo é mais simples do que parece. Seguem algumas dicas de como você, MEI, pode conseguir:

Comprovando a renda

A maioria dos bancos e financeiras solicita alguma forma de comprovação de renda para a liberação do crédito. Essa é uma forma de avaliar se o solicitante possui ou não condições financeiras para arcar com as parcelas do financiamento e quanto poderá assumir mensalmente.

Para isso, as pessoas que possuem vínculo empregatício utilizam o holerite ou outra forma de comprovação do salário recebido da empresa em que atua. Apesar disso, quem é autônomo e, consequentemente, não possui tal vínculo pode comprovar sua renda de outras maneiras, como:

Abra uma conta bancária

Deposite em uma conta bancária (pode ser em qualquer banco, mas, de preferência, escolha o mesmo banco em que solicitará o financiamento) todo o dinheiro que você ganha durante seis meses para usá-lo no momento de comprovação de renda. Para quem possui mais de uma fonte de renda, esse método é bastante recomendado. Assim, basta você usar o extrato de movimentação da sua conta para conseguir comprovar que você recebe, de fato, o valor que declarou receber quando fez a solicitação do financiamento.

Abra uma conta corrente

Apesar de o MEI poder ter uma conta empresarial ou poupança, é necessário criar uma conta corrente para solicitar o financiamento do seu imóvel. Ela é necessária por causa do pagamento das parcelas do valor financiado. Esse tipo de conta é exigido pela maioria dos bancos que oferecem empréstimos.

Outros documentos necessários

Além do extrato bancário, em alguns bancos é preciso comprovar sua renda como autônomo através de outros documentos, como a declaração de imposto de renda, uma vez que informam tudo que foi recebido e gasto pelo declarante no ano anterior.

Mas como conseguir o financiamento?

O Microempreendedor Individual (MEI) pode financiar a sua casa própria, em especial, nos programas habitacionais populares, como Minha Casa Minha Vida ou Carta de Crédito FGTS. Basta acessar o site do banco selecionado para o financiamento (geralmente a Caixa Econômica Federal é o mais procurado), simular os valores e comparecer na agência para formular o pedido, munido dos documentos solicitados pelo banco para comprovação de renda (geralmente há uma lista disponível para consulta nos sites do banco). Após isso, o banco irá analisar sua situação e quanto pode assumir e liberar o crédito de acordo com a sua realidade.

Comprando um terreno

Comprar um terreno é uma ótima opção para quem quer um imóvel com a sua cara. O investimento sai mais em conta e a liberdade em construir é toda sua. Opte por loteamentos novos para isso. Como MEI, você pode financiá-lo da mesma forma junto aos bancos, apenas comprovando sua renda como autônomo.

Comprando com a Setpar

Com atuação oposta aos bancos tradicionais, a Setpar Empreendimentos oferece condições diferenciadas, porque a negociação do seu terreno é feita de forma direta com a empresa. Não há toda essa burocracia e não precisa de comprovação de renda, o que facilita e abre portas para muitas pessoas que sonham em ter seu imóvel. O parcelamento é facilitado, inclusive na entrada do terreno.

Confira nossos loteamentos aqui.